CLÍNICA MÉDICA

I CARDIO

INSUFICIÊNCIA CARDÍACA

Se você é da área de saúde, com certeza já ouviu falar em Insuficiência Cardíaca!

Mas você sabe quais são as suas consequências, como se dá seu diagnóstico ou mesmo como tratar um paciente com IC?

I CARDIO

ANGINA ESTÁVEL

Você sabe o que é a Angina Estável? Sabe diagnosticá-la e tratá-la? Nesse post vamos falar sobre a Angina Estável, passando pela sua definição, quadro clinico, diagnóstico e tratamento!

I CARDIO

DOENÇA CORONARIANA

A Doença Arterial Coronariana (DAC) é uma das entidades mais importantes da medicina, desde o atendimento básico até o especialista. Isso porque ela é nada menos do que a doença que mais mata no Brasil e no mundo!

I CARDIO

HIPERTENSÃO

ARTERIAL SISTÊMICA

Você certamente conhece alguém com essa condição. Isso acontece porque a HAS, ou pressão alta (como é popularmente conhecida), é uma das doenças mais comuns no mundo.

 I ECG

ELETROCARDIOGRAMA

Aqui, você pode aprender o conteúdo necessário de ECG para o médico generalista. Desde os fundamentos deste exame tão importante até as suas possíveis alterações encontradas!

I PNEUMO

ASMA

Sabe reconhecer e diagnosticar a Asma? E o seu tratamento de manutenção? Já se deparou com uma crise asmática na emergência? Esse post tira todas as suas dúvidas!

I GASTRO

HIPERTENSÃO

PORTAL

No Brasil, onde a “cervejinha” é um aspecto cultural, doenças hepáticas, como a cirrose, são muito prevalentes na prática médica. Por isso, devemos nos atentar com uma das principais complicações: a hipertensão portal.

I PNEUMO

DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA

Venha conhecer sobre a temível doença pulmonar obstrutiva crônica: a 4ª maior causa de morte no mundo.

I ENDÓCRINO

DIABETES MELLITUS

Diabetes, alimentos diet, açúcar, sangue “açucarado”, insulina. A princípio, é uma doença que todo mundo conhece, porém será que se eu te perguntasse agora qual é a definição de diabetes, sairía algo algo além de “elevação da glicose ou do açúcar no sangue”?

I ENDÓCRINO

HIPOTIREOIDISMO

A tireoide é essencial para o nosso metabolisom. Mas, quando ela não funciona adequadamente, consequências são inevitáveis. Venha aprender a identificar e manejar o hipotireoidismo.

I ENDÓCRINO

HIPERTIREOIDISMO

A tireoide é uma espécie de escudo para nós. Mas, quando sujeita a falhas, síndromes podem se instalar no nosso paciente e é por isso que precisamos aprender como manejar um quadro de hipertireoidismo.

I ENDÓCRINO

DISLIPIDEMIAS

"Sangue esbranquiçado", "sangue leitoso", "gordura no sangue", "colesterol bom e ruim"... Com certeza você já ouviu alguma dessas frases ao longo do curso. Mas você realmente sabe o que elas significam?! Vamos entender juntos um pouco mais das Dislipidemias!

I REUMATO

ARTRITE

REUMATOIDE

A AR possui um grande impacto negativo no indivíduo ao realizar suas atividades diárias, seja trabalho ou até mesmo tarefas relacionadas à sua qualidade de vida! 

I REUMATO

FIBROMIALGIA

Apesar de não ser muito discutida, trata-se de uma doença muito prevalente, por isso preparamos esse post para vocês aprenderem e revisarem sobre esse assunto e a importância do manejo correto desses pacientes!

I NEUROLOGIA

ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL

O Acidente Vascular Cerebral (AVC), também conhecido Acidente Vascular Encefálico (AVE) ou o popular Derrame, é uma emergência médica caracterizada por um déficit neurológico (geralmente) focal, de instalação súbita e evolução rápida que decorre de um acometimento vascular no Sistema Nervoso Central.

I GASTRO

DISPEPSIA

Este é um dos sintomas mais comuns na prática clínica e com certeza você já deve ter se deparado com uma situação parecida. Mas, apesar de tão comum, ainda é uma queixa muito inespecífica que pode ter diversas etiologias. Você acha que está preparado para identificar esses sintomas dispépticos e dizer o que eles podem significar? 

I INFECTOLOGIA

DENGUE

A dengue é a arbovirose mais prevalente em nosso país – e também a mais importante, sendo caracterizada como uma doença dinâmica e sistêmica. Dinâmica porque a qualquer momento o quadro do paciente pode mudar, isto é, ele pode ter remissão de todos os sintomas ou evoluir de forma bastante grave, e sistêmica pois em casos mais complicados há comprometimento de múltiplos órgãos, acometendo o organismo como um todo.

I GINECOLOGIA

DIP

Paciente do sexo feminino, 24 anos, chega ao ambulatório queixando-se de dor pélvica. Tenho certeza que uma série de diagnósticos com certeza passa pela sua cabeça naquele momento! Mas será que você realmente consegue chegar ao correto? Nesse post vamos aprender um dos principais diagnósticos diferenciais da dor pélvica em mulheres jovens: a doença inflamatória pélvica (DIP)

I PNEUMO

PNEUMONIA ADQUIRIDA NA COMUNIDADE

Venha conhecer sobre a maior causa de morte no mundo, a PAC, como diagnosticá-la e seu manejo!

I INFECTOLOGIA

TUBERCULOSE

A tuberculose nos acompanha há cerca de 20.000 anos e felizmente sua incidência está decrescendo no mundo desde 2003.

Mas manter essa doença com um menor potencial devastador não depende só da existência de tratamentos eficazes, como também de um amplo conhecimento do que se trata essa patologia... Por isso, vem com a gente!

I PNEUMO

DISPNEIA

Você saberia como manejar um paciente dispneico? Sabe as principais características dessa manifestação clínica? Então venha aprender sobre!